[SETEMBRO AMARELO] Como cuidamos da saúde e do bem estar dos nossos colaboradores

Luana Conrad

Coordenadora de Cultura Organizacional. Graduada em Gestão de Recursos Humanos, responsável pela área de Gestão de Pessoas da Migrate.

0 Comments

Quando pensamos no mês de setembro, logo relacionamos com a campanha de prevenção ao suicídio e valorização da vida conhecida como Setembro Amarelo. Nesse mês em específico muitas organizações enfeitam seus locais de trabalho com fitas amarelas, postam nas redes sociais que apoiam a causa, mas pouco se faz de ações concretas que realmente valorizam e protegem a saúde emocional dos colaboradores.

Na Migrate, temos uma cultura muito forte voltada ao bem-estar emocional e físico dos nossos profissionais, sendo um dos principais valores o Foco em Pessoas. Esse valor tem como base o cuidado e o carinho que temos com todas pessoas que são impactadas pelo nosso negócio, mas principalmente os Migraters*. 

Durante todo ano realizamos ações voltadas à qualidade de vida dos nossos colaboradores. Entre elas:

  • Seções de Quick Massage: com o objetivo de reduzir o estresse nos Migraters realizamos a cada duas semanas seções de Quick Massage que traz como benefícios: alívio de dores musculares, redução na incidência de dores de cabeça, diminuição do estresse, liberação de endorfina e combate de estados de depressão;
  • Empresa Cidadã: a Migrate participa do programa do governo Empresa Cidadã que estende a licença maternidade e a paternidade. Com essa prática, a empresa contribui de forma direta com a qualidade mental e física de seus colaboradores;
  • Horário flexível: oferecemos aos nossos colaboradores a possibilidade de flexibilizar a sua jornada de trabalho. Dessa forma os profissionais conseguem equilibrar suas responsabilidades na empresa com suas atividades pessoais, trazendo assim uma maior qualidade de vida;
  • Trabalho remoto: desde antes do início da pandemia a Migrate já possibilitava o trabalho remoto. Essa prática, se bem organizada, traz inúmeros benefícios tanto para os profissionais quanto para a empresa. Entre eles: redução do tempo de deslocamento entre casa e trabalho, maior cuidado com saúde e bem-estar, possibilidade de contratar profissionais de qualquer lugar do mundo, redução de custos com energia elétrica, etc.

Esses foram apenas alguns exemplos de como a Migrate cuida da saúde mental e do bem-estar dos seus colaboradores. Além desses citados, ainda temos diversos canais de comunicação interna, pesquisas de clima e de satisfação realizadas frequentemente, possibilidade de o colaborador levar seu pet para o trabalho, e muito mais.

E a empresa em que você trabalha, também se preocupa com a qualidade de vida dos seus colaboradores? Conte para a gente!
*Migraters: forma como nos referimos aos profissionais que trabalham na Migrate.

Luana Conrad

Coordenadora de Cultura Organizacional. Graduada em Gestão de Recursos Humanos, responsável pela área de Gestão de Pessoas da Migrate.

Posted in:
About the Author

Luana Conrad

Luana Conrad

Coordenadora de Cultura Organizacional. Graduada em Gestão de Recursos Humanos, responsável pela área de Gestão de Pessoas da Migrate.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *